Naufrágio Príncipe das Asturias

Informações sobre Naufrágio Príncipe das Asturias

Descrição

Em 1884 Antonio Martinez de Pinillos y Izquierdo fundava em Barcelona a armadora Pinillos Y Yzquirdo Y Cia. Em 1908 a armador inaugura com os navios gêmeos Cadiz e Barcelona uma linha regular de carga e passageiros unindo a Europa a costa da América do Sul.
Com o aumento da procura da carreira para o Brasil e Prata foram encomendados nos estaleiros Russel & Co., em Glasgow na Escócia dois novos navios mistos de porte médio. Os transatlânticos Infanta Isabel e o Principe de Asturias foram lançados respectivamente em 1911 e 1913, realizando suas respectivas viagens inaugurais entre Barcelona e Buenos Aires em setembro de 1912 e agosto de 1914.

Na manhã do dia 06 de março, um domingo de Carnaval, chovia forte e a cerração tornava a visibilidade quase zero. Soprava um forte vento leste e o mar estava muito agitado e com grandes vagas, que chacoalhavam o navio.
Já na madrugada de segunda-feira a chuva ainda caia forte e a cerração anulava quase toda a visão. Ao se aproximar da Ilha de São Sebastião (Ilhabela) o capitão, José Lotina ordenou diminuição da marcha e mudança do curso em direção ao alto-mar.

fonte: https://www.naufragiosdobrasil...

Informações da Empresa
Telefone
Site https://www.naufragiosdobrasil.com.br/naufprincipeasturias.htm
Facebook
Twitter
Instagram
Visualizar no Mapa Abrir no Google Maps